Bom dia ! Hoje é Segunda Feira, 18 de Dezembro de 2017.
 
Fique por dentro de nosso conteúdo em sua caixa de e-mail:
 




 
Brasil
21/11/2011
Jovens rebeldes, "coroas" irresponsáveis
Leia a citação a seguir apesar dos erros primários: "Historicamente a Universidade em todo mundo se assume como um espécie de territorio livre em que caberia desde a mais inusitada teoria sobre qualquer dimensão do real a experimentação de vivências que iriam desde o consumo de maconha ao sexo casual".
 
15/11/2011
Botando na conta do Lula
Para mãe de “companheiro” de invasores, filhos não devem servir de exemplo para punições. De fato. E de acordo com as pesquisas de opinião sobre o tema, parece que nem para isso serviriam de exemplo mesmo.
 
14/11/2011
A maconha e a invasão da USP
Quando leio sobre a violência dos assaltos praticados hoje em dia, fico com saudade do tempo dos trombadinhas. Era uma época tranquila, em que o gatuno esbarrava na vítima, tomava-lhe algo e saía correndo. Tinha medo, e por isso fugia. Era um infeliz constrangido. Hoje, o ladrão ofende e maltrata. Anda armado e aperta o gatilho sem que nem porquê. Sente-se como grande senhor da selva urbana onde impõe sua própria lei. O medo fica por conta apenas da vítima. É a vítima que corre para longe. Se puder.
 
13/11/2011
Balanço da invasão da Reitoria da USP: a PM continua no campus, mas os panetones dos funcionários sumiram
Está certo que os invasores disfarçados de alunos que depredaram a Reitoria da USP não são muito fãs do capitalismo, mas começar a revolução socialista justamente pelos panetones dos funcionários é covardia.
 
11/11/2011
Quando virá a nossa primavera?
Omundo tem  demonstrado estar aborrecido com muitas coisas. Os protestos em diversos países aumentam a olhos vistos. Começa-se a perceber que muitos governantes estão preocupados apenas consigo mesmos e não com o povo e seus eleitores. Isso não é novo. Muitos deles esquecem-se facilmente – se é que sabem – que o povo é seu chefe. Ao contrário, muitos agem como donos do povo. No Brasil isso é uma constante. Não temos servidores: só  patrões.
 
07/11/2011
Então como é que é?
Afábula da rã que se deixa cozer viva, passivamente, em uma panela de água fria que vai ficando morna, depois quente e, por fim ferve, é perfeitamente aplicável a inúmeras estratégias em curso no país.
 
07/11/2011
Ação criminoso-revolucionária versus defesa jurídico-burocrática
Podem falar o que quiser, mas os delinquentes que invadiram os prédios da USP impedindo os funcionários e alunos de executarem seu trabalho saem ganhando. Sobem na hierarquia de seus grupos e põem os ovos da futura geração. 
 
04/11/2011
É bom se perguntar: O que as Humanas têm ensinado na USP?
Vídeo divulgado ontem pela Reitoria com cenas da invasão do prédio deixa população em dúvida: são alunos da maior universidade da América Latina, a elite intelectual da nação, ou mais uma invasão de "zumbis conscientes" ? 
 
31/10/2011
Malícia, irresponsabilidade e ingenuidade
Em "Pombas e gaviões" aduzi, já na capa, o alerta que caracteriza os dez textos que nele se contêm: os ingênuos estão na cadeia alimentar dos mal intencionados. É uma preocupação que os últimos anos vieram acrescentar às que eu já tinha em relação ao futuro de nosso país. Com efeito, considero coisa certa, provada pelos fatos, que a única tese efetivamente abandonada pela esquerda para tomada do poder é a tese da luta armada.
 
30/10/2011
Carnaval: verba pública de governo de “oposição” para fazer propaganda de Lula e Dilma
Em 2012, escolas de samba paulistanas usarão o pretexto da festa popular (que, como tal, deveria ser sustentada por quem dela participa e não por quem não vai à avenida) para adular os dois principais nomes do petismo.
 
27/10/2011
Barbaridades trabalhistas
Éimpressionante: quando se imagina que a coisa está ruim, sempre tem alguém que consegue piorá-la. A imaginação do legislador no campo trabalhista é fértil, e assim projetos de leis absolutamente desvinculados da realidade brotam como se fossem pipoca em dia de festa.  Vamos aos exemplos.
 
25/10/2011
O jogo pesado dos Bancos
Lembro de um tempo em que, para retirar dinheiro da conta bancária era preciso comparecer à agência e apresentar no balcão de atendimento um cheque no valor a ser sacado.
 
17/10/2011
O Lulismo amordaçou o Brasil
Épreciso reconhecer. A mitificação de Lula no nível que alcançou só poderia ocorrer mediante o invulgar conjunto de circunstâncias que alia características pessoais do líder; notáveis estratégias de poder e de comunicação social; circunstâncias internacionais favoráveis à economia brasileira; manutenção, durante boa parte de seu governo, das políticas de responsabilidade fiscal iniciadas com Itamar Franco; dotação de significativos recursos para o programa Bolsa Família; simpatia internacional ao perfil do "operário no poder cuidando dos pobres". E por aí vai.
 
12/10/2011
E prossegue em SP o projeto político da “oposição zero”
É tanto político junto trabalhando com um “objetivo comum” que um dia a gente ainda consegue reinventar o pluripartidarismo: agora, é a vez do PSD receber em seus quadros Henrique Meirelles, ex-ministro de Lula.
 
06/10/2011
Telhados Brancos: Solução ou mais um problema para o paulistano?
No dia 10 de Outubro, a Câmara Municipal de São Paulo promoverá um debate científico sobre o projeto de lei conhecido como “Lei dos Telhados Brancos”, de autoria do Vereador Goulart (PMDB-SP) que tramita na Câmara dos Vereadores da Cidade de São Paulo.
 
01/10/2011
Quem ganha e quem perde
Ainda no início de agosto, quando do lançamento do “Plano Brasil Maior”, já era possível imaginar as reais intenções do governo e apaniguados em termos de “política industrial”. Embora o objetivo oficial do plano fosse “aumentar a competitividade da indústria nacional, à partir do incentivo à inovação tecnológica e à agregação de valor”, tudo mais fazia crer que iríamos mesmo descambar para velhas políticas protecionistas, que, na prática, são exatamente o oposto do que normalmente chamamos de competitividade.
 
28/09/2011
Teremos Oposição?
Um país sem efetiva oposição política é como alguém sem superego. Neste caso, como me informa um amigo psicanalista, estamos frente a uma personalidade psicopática, o que os antigos denominavam neurose de caráter e que faz, ultimamente, o estilo dominante entre os vilões de novelas.
 
22/09/2011
Enxaquecas constitucionais
Sei, sei, pode parecer que para arrumar um título forcei a barra. Mas  saibam quantos se detiverem sobre estas linhas que o título expressa rigorosamente a minha opinião sobre o que acontece em nosso país a partir de 1988. É uma dor de cabeça sem fim.
 
16/09/2011
O Brasil de mentira das telenovelas
  Se é fato que a dramaturgia de TV está para a dramaturgia audiovisual em geral assim como a lista de compras de supermercado está para a literatura, nada impede seus autores de querer “discutir” problemas sociais e aspectos observados da realidade.
 
14/09/2011
A CPMF e o trilhão
Exatamente no momento em que o Impostômetro da ACSP anuncia que o Brasil acaba de bater mais um recorde na arrecadação de impostos, atingindo a extraordinária marca de 1 trilhão de reais  com  antecedência de um mês, alguns políticos insistem em propor a criação de mais um tributo para salvar a saúde do povo brasileiro.
 
12/09/2011
Inaceitáveis obviedades!
Recebo muitas mensagens eletrônicas apontando o farisaísmo de quem critica a corrupção que vê e fecha os olhos para o extenso rol dos próprios desvios diários de conduta.
 
11/09/2011
Conheçam o estádio europeu: ele custou a gorjeta do estádio particular financiado por Kassab e “garantido” por Lula
Pago com dinheiro público e “avalizado” pelo prestígio de Lula, o novo estádio do Corinthians tem a previsão de custar pouco menos de 1 bilhão de reais com capacidade para menos de 60 mil espectadores.
 
05/09/2011
Quem é que manda no pedaço
Professores, diretores de escola, bons alunos e bons pais sabem, todos, que o Estatuto da Criança e do Adolescente, ainda que concebido sob as melhores intenções, muito contribuiu para a irresponsabilidade dos menores num sentido geral e dos estudantes num sentido muito particular. Digam o que disserem quantos desejem canonizar o ECA pela santidade de seus objetivos, o fato é que na ausência de autoridade, normas e sanções as condutas se desregram.
 
04/09/2011
Lula dá “atestado de retidão” para o Corinthians. É o mesmo do José Dirceu?
Teve espetinho, samba, refresco e pronunciamento de Lula o aniversário do clube de futebol. O ex-presidente aproveitou a oportunidade para usar toda a sua autoridade moral e garantir que “não há por que se preocupar” com a origem e destinação dos recursos para construção do novo estádio em Itaquera. A defesa que ele fez do projeto vem quase que simultaneamente com a defesa feita ao indefensável José Dirceu.
 
29/08/2011
O Brasil está em boas mãos?
Daria um doce para saber quem primeiro aplicou a palavra faxina para descrever as demissões até agora decididas pelo governo. A maioria dos comentaristas já mostrou o quanto o vocábulo é impróprio.
 
27/08/2011
Miopia ideológica na diplomacia
Adiplomacia brasileira causa constrangimento. Após a posse da presidente Dilma, alguns sinais foram dados de que haveria, nessa área, uma mudança de rumo. Sinalizações de vários tipos se fizeram presentes, dentre as quais a defesa dos direitos humanos no Irã, em particular no que diz respeito às mulheres.
 
26/08/2011
Legislativo paulista inova mais uma vez e inventa lei do “cadastro dos mastros”
Parece que faltam mesmo problemas em São Paulo para ocupar a cabeça dos deputados paulistas. Depois da “lei do couvert”, vem aí a campanha para que os torcedores de futebol “cadastrem seus mastros” antes de irem ao estádio de futebol.
 
18/08/2011
A "Presidenta" e a "Faxina"
Nunca a gramática prestou tão bom serviço à compreensão das análises políticas quanto nestes dias de Dilma Rousseff. Quando o comentarista ou o analista a designa como "presidenta" a gente já sabe para que lado sopra o vento. É uma facilidade. Pois foi inspirado por essa facilidade que saí atrás do decantado e inabalável compromisso da presidente (pronto, já disse de que lado estou!) com a faxina. Faxina?
 
08/08/2011
Experiência e grana se associam
Quando o Brasil festejou a realização da Copa de 2014 em nosso país como se fosse uma dádiva dos céus, eu me contei entre os raras vozes que sugeriram devolver o brinde ao senhor Joseph Blatter alegando que somos uma nação amiga do futebol e não merecíamos tamanha punição.
 
04/08/2011
Um golpe etário na Constituição
O Estatuto da Criança e do Adolescente acaba de completar 21 anos. A Lei 8.069, que o instituiu, foi sancionada pelo então presidente Fernando Collor em 13 de julho de 1990.
 
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20



Editor Chefe: Roberto Ferraracio
Redação: Paulo Zamboni
AmbientalismoAmérica LatinaBrasilCulturaEconomiaEntrevistasEUA e GeopolíticaEuropaMídia em FocoOriente MédioPolíticaSegurança Pública
Artigos IndicadosCLIPPING@MAISEspecialLiteraturaResenhas
Home Editorial Faq Fale Conosco


Canais:
 
MÍDIA A MAIS © COPYRIGHT 2013, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS