Boa Noite ! Hoje é Quarta feira, 20 de Setembro de 2017.
 
Fique por dentro de nosso conteúdo em sua caixa de e-mail:
 




 
> Segurança Pública
Compartilhar
Para o governo petista, policial que mata bandido é bandido. Até prova em contrário
- Percival Puggina
Sabe quando haverá segurança neste país com o PT? Nunca.

A ministra Maria do Rosário, como "presidenta" do Conselho de Defesa dos Direitos Humanos, deu-se ao desplante de, por simples Resolução (Resolução Nº 8 de 21 de dezembro de 2012, estabelecer um enorme regramento sobre a atividade policial no Brasil em caso de enfrentamento armado com bandidos. O texto é um disparate cujo único efeito será salvaguardar os bandidos mesmo quando atiram contra cidadãos ou contra policiais.

Dispõe a ministra, com uma resolução que vai muito além de suas chinelas, que todo policial que ferir ou matar um bandido responderá por homicídio ou lesão corporal (conforme seja o caso). Será, também, afastado de suas funções externas e perderá o direito de ser promovido, ainda que por bravura, até o "esclarecimento dos fatos e responsabilidades". E vai por aí, normatizando, legislando e se intrometendo nos outros poderes, determinando como deve agir o Ministério Público nesses casos. Se duvida, procure no google pela referida resolução.

Entre as justificavas alegadas, a ministra menciona que "a violência destas mortes atinge vítimas e familiares, assim como cria um ambiente de insegurança e medo para toda a comunidade". Ou seja, na opinião da ministra e seus conselheiros, não é a morte de cidadãos de bem por bandidos o que apavora a sociedade, mas, isto sim, a morte de bandidos pela polícia. Ela não tem a menor ideia do que a sociedade pensa e segue a cartilha partidária, pretendendo impor às instituições nacionais o programa de desagregação social proposto pelo PNDH-3. Sabe você quando haverá segurança neste país com o PT? Nunca!

Note-se, por fim, que essa tolice toda sai da caneta da ministra com base numa tal Lei Nº 4.319, de 16 de março de 1964, que criou o Conselho de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana. No entanto, lido e relido o teor dessa lei, não encontrei nela autorização alguma para que o governo edite normas com tão desmedida abrangência e profundidade. O CDDPH é um órgão de estudo, aconselhamento, recomendações, articulações e fica totalmente contido nesse nível.

Será que ninguém viu esse absurdo? Será que o Congresso nada fará a respeito? Será que as instituições policiais ficarão passivas diante disso? Será que o Ministério Público concordará, pelo silêncio, com essa violência que concede saúde e longa vida aos criminosos pela, doravante, prudente omissão dos policiais em serviço?

 



 
Compartilhar

COMENTÁRIOS
20/05/2013
(flavio)

Para a turma do PT parece que tem o corpo fechado. Nada acontece com essa turma, nunca são assaltados, muito menos levam tiro de assaltante. O dia que as coisas acontecerem contra eles será que teremos algo de novo?
 
15/04/2013
(Bender C3)

Querer transformar policial em bandido é o fim da picada, não é atoa que a violência no país só cresce.
 
15/02/2013
(Agapito Costa)

Ao analisarmos as próprias palavras da ministra Maria do Rosário e ocorrido na cidade gaúcha de Arroio dos Ratos em 11/02/2013 podemos concluir que oito bandidos fardados razoavelmente armados e mal remunerados mataram quatro honestos cidadãos civis. Tudo porque o banco estava fechado e eles queriam fazer um empréstimo. As armas que foram encontradas em poder das vitimas foram legalmente adquiridas através dos procedimentos previstos na "Lei 10.826 de 22/12/2003". Com base nas informações do jornal foram encontrados dois fuzis sendo um de calibre 5.56mm e outro um AR-15 e versões chinesas do fuzil russo AK. Não vou entrar no mérito das pistolas e demais armas, por concluir que estes eram as cabeças de praia.

 
12/02/2013
(Asp-PB)

É por causa dessas pessoas, pseudos-intelectuais esquerdistas de merda, que hoje o Brasil é terra sem lei, onde existe a inversão de papéis, e nós cidadãos de bem profissionais da segurança pública é que somos os marginais!

 
05/02/2013
(Carlos)

O PT não traiu ninguém, está sendo perfeitamente coerente com a agenda esquerdista, que consiste na defesa dos piores tipo de bandidos, criminalização dos homens de bem e transformação de psicopatas e ladrões em "heróis do povo" - vide o caso do Mensalão.

 
03/02/2013
(Roger)

Essa mulher e toda cambada do PT tinham era que ser exterminados desse país.

 
02/02/2013
(ewertsp)

essa VAGABUUUUUUUUUUUUUNDAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA q tem q levar chumbo, e muito!

 
14/01/2013
(Andres Pinto)

esperar o que do PT, que primeiro traiu os trabalhadores, e agora trai a sociedade, dando defesa a bandidos.. e quando o policial morre?? cade os direitos humanos? o PT só está defendendo a sua gente, ladrão defende ladrão.

 
11/01/2013
(Cesar Augusto Geraldo)

Se esquerda fosse realmente boa a antiga URSS e a China seriam um exemplo para o mundo,no entanto não é isso que nós cidadãos brasileiros pensantes de raciocinio lógico vimos,infelizmente a maioria do nosso povo é alienada na defesa de seus direitos civis e politicos porque aceita como regra politicos fabricados pelo sistema globo de rádio,televisão e imprensa falada e escrita também da rede globo que ao longo de anos a fio soube transformar a ignorância da maioria do povo brasileiro em altos lucros a favor dela,nisso a rede globo tem mestrado, doutorado e PHD em manipular a opinião pública a favor dela e do governo federal que costumeiramente ajuda a socorrer a rede globo com dinheiro público para custear as suas farras empresariais,e no final das contas quem acaba pagando a conta é o povo brasileiro infelizmente.

 
11/01/2013
(edi)

o que eu fico mais indignado e que uma mulher dessas nao tem nem ideia de como e o trabalho policial, de como e enfrentar bandidos com toda a justica contra nos, isso e um absurdo e pode ter certeza ninguem vai fazer nada muito menos os cmt da policia, sao todos uns bandos de covardes e puxa saco...

 
10/01/2013
(PC)

QUER SABER DA VERDADE? TÔ INDO EMBORA. PRÁ ONDE? PRO INFERNO. LÁ DEVE SER MELHOR QUE AQUI. AGORA, FALANDO SÉRIO: Não há que se esperar outra coisa em um país, onde mais de 70% da população não consegue entender uma frase que contenha mais de 10 palavras (acho que estou colocando palavras a mais). Essa gente é maioria e decide os destinos do Brasil. Somos também um povo, onde a maioria das pessoas capazes de ler e entender textos, ao votarem, pensam primeiramente no seu umbigo. O resto todos sabem.

 
08/01/2013
(Cristian)

Senhores, Para um país colônia como o nosso, vale a pena o caos para proveito próprio. Vale a pena impedir o crescimento de um potencial país maravilhoso chamado Brasil. Os DONOS querem a privatização do Brasil. Vejam o que está acontecendo com a economia do Brasil: http://www.youtube.com/watch?v=ChmYfkVDFSU Abraços,

 
07/01/2013
(terrakio)

Essa mulher deveria ser trancada num manicomio judicial, esse sim eh lugar para psicopatas do calibre dela,e todos os integrantes do PT.

 
07/01/2013
(LG)

É claro que esse ato administrativo tresloucado constitui um absurdo jurídico, constitucional e afeta até mesmo o equilíbrio federativo, pois os estados têm autonomia legislativa na organização e na gestão de suas polícias. Contudo, o fundo de tal teratológica medida está na disputa pelo Palácio dos Bandeirantes. Trata-se, claro, de ato feito sob medida para ser lançado nas costas do Governador de SP, para criminalizar a PMSP e para manter aquecida a chama com que a petralhada pretender carbonizar a administração tucana no estado de SP, de olho em 2014. Não se enganem: 2013 terá SP, estado e capital, como prioridades da petralhada. E os despautérios virão aos trambolhões...

 
07/01/2013
(Edenilson)

"Ele [Champinha, lembram-se?] é apenas um menino"

 
07/01/2013
(Paulo Santos)

Como sempre, esquerdistas legislando em causa própria.

 
07/01/2013
(Agapito Costa)

Senhores editores e leitores, imaginem o que sucederia caso ocorresse uma virada neste triste cenário em que se encontra o Brasil. Caso viesse ser convocado para o serviço ativo certamente, não cometeria os mesmos erros do passado. Esta gente já ultrapassou o limite de tolerância que se pode suportar por meios civilizados.

 
INSERIR COMENTÁRIO
Nome / Apelido
E-mail (opcional)
Comentário



Redação: Paulo Zamboni
AmbientalismoAmérica LatinaBrasilCulturaEconomiaEntrevistasEUA e GeopolíticaEuropaMídia em FocoOriente MédioPolíticaSegurança Pública
Artigos IndicadosCLIPPING@MAISEspecialLiteraturaResenhas
Home Editorial Faq Fale Conosco


Canais:
 
MÍDIA A MAIS © COPYRIGHT 2013, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS